quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

Moradores de 14 casas em Pedra Preta-RN deverão deixar imóveis


O município de Pedra Preta está com 14 residências condenadas pela Defesa Civil devido à recente sequência de abalos sísmicos na cidade, distante 149 quilômetros de Natal. Nesta quinta-feira (5), a Prefeitura espera acertos burocráticos para a decretação do estado de emergência, que estava previsto para ontem. Contudo, o destino dos moradores ainda está indefinido.

O coordenador da Defesa Civil da cidade, Guilherme Bandeira, está em Natal para reuniões com o coordenador do órgão a nível estadual, Coronel Josenildo Acioly. A situação do município, que contabiliza mais de 600 tremores em pouco mais de um mês, preocupa devido às estruturas de algumas residências.

Segundo a Prefeitura de Pedra Preta, são 48 casas com estrutura danificada, sendo 14 com risco de desabamento. Por serem de pessoas carentes, a Prefeitura ainda estuda como poderá convencer os moradores a deixarem os imóveis voluntariamente e já há uma alternativa em discussão.

Na segunda-feira (8), o prefeito Luiz Antônio deverá seguir para Brasília, onde tentará a liberação de recursos para auxiliar nas ações em prol da população afetada. Como medida emergencial, a Prefeitura cogita utilizar a escola estadual João Bandeira, que já está em recesso, para abrigar os moradores. "É uma ideia abrigar na João Bandeira, mas ainda não é defitivo. Vamos esperar o coordenador da Defesa Civil retornar", disse o secretário-chefe do Gabinete Civil, Jorge Alessandro.

Fonte: Tribuna do Norte
Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

câmbio

Nossa Nova Fanpage

Sua Marca em destaque!


Posto Raíssa II - Sítio Novo

Image and video hosting by TinyPic

castelo zé dos montes


Bar espaço do forró


Art-Voz Studio

Image and video hosting by TinyPic

LBV.org/DigaSim

Image and video hosting by TinyPic

Anuncie no nosso site!

Twitter

sugira uma notícia

Nome

E-mail *

Mensagem *